[Aluno] Natalie Carlisle

Ir em baixo

[Aluno] Natalie Carlisle

Mensagem por Arquivista em Dom Jan 02, 2011 5:11 pm

Natalie Carlisle escreveu:Nome Completo: Natalie Carlisle
Idade: 12 anos
Local de Nascimento: Londres, Inglaterra
Nomes dos Pais: Paul e Joan Carlisle
Irmãos: Joanne (7 anos)
Cor dos cabelos: castanhos
Cor dos olhos: castanhos
Cor da pele: branca
Altura: 1,48 m
Sangue: trouxa
Animais: gata Misty
Comida preferida:frango assado com batatas cozidas
Cor preferida: azul
Livro preferido: Livro Monstruoso dos Monstros
Matéria preferida: Trato das Criaturas Mágicas
Hobby: brincar com os amigos e ler, (no mundo trouxa gosta de ir ao cinema e jogar videogame)

Sua história antes de chegar a Hogwarts:

Natalie é a filha mais velha do casal trouxa Paul e Joan Carlisle. Nasceu em Londres, onde sempre morou. É uma criança trouxa normal, freqüentava a escola trouxa, ia ao cinema com os amigos nos finais de semana e gostava de jogos eletrônicos.

Tudo ia bem, até que há um ano atrás, uma coruja aparecer em sua casa em Kensington com um envelope no bico. Sua mãe quase desmaiou, pois é muito supersticiosa e odeia corujas. Sua irmãzinha Joanne, de 6 anos, adorou a ave e ficou tentando subir na estante para alcançá-la. Quando Natalie finalmente conseguiu abrir o envelope, achou que fosse alguma piada de seu amigo Frank, pois escolas bruxas “não existiam”. Mas uma nova coruja, com outra carta, chegou no dia seguinte, e ela começou a suspeitar que aquilo pudesse ser verdade.

Sua mãe, muito a contra-gosto, aceitou levá-la ao tal Beco Diagonal, para verificarem se não era algum trote. Joan queria que seu marido também fosse para se sentir mais segura, mas Paul não podia faltar ao escritório onde trabalhava como engenheiro. Chegando lá, depararam-se com um bar sujo, ignorado pela maioria dos transeuntes. Um senhor vestido com um sobretudo velho, sujo e amarrotado, chamou-as discretamente. Joan puxou a filha para perto de si e deu meia volta para irem embora. O senhor então disse: “A menina vai para Hogwarts? Se procuram pelo Beco, é aqui mesmo.”

Natalie soltou-se da mãe e correu para o velho. Era muito bom para ser verdade! Frank não poderia ir tão longe com uma piada daquelas! As duas entraram no bar escuro e quase vazio àquela hora do dia, e o senhor ensinou-as a atravessarem a passagem secreta. Alguns tijolos começaram a se mover, depois que neles o velho bateu com uma varinha. O rosto de Natalie se iluminou quando umas ruas estreitas, apinhadas de gente esquisita, apareceram do outro lado. Como isso tudo poderia estar escondido em Londres esse tempo todo?

Agora Natalie é uma Corvinalense com muito orgulho, e encontrou em Hogwarts seu segundo lar.
avatar
Arquivista
Admin

Mensagens : 525
Data de inscrição : 30/12/2010

Ver perfil do usuário http://arquivoswp.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum